O imóvel ideal para cada perfil de comprador

Todos gostaríamos de morar em uma casa repleta de suítes, uma sala ampla, espaçosa varanda com churrasqueira e piscina no quintal. Entretanto, nem sempre a ideia que temos de imóvel perfeito é compatível com nossa estrutura familiar. 

Um bom exemplo é a aquisição de um apartamento cujo condomínio oferta uma grande área de lazer, com quadras de tênis, piscina, sauna, e o comprador não tem tempo para desfrutar de tais diferenciais. Em casos assim, fica claro o equívoco no momento de fechar o negócio e analisar a relação custo x benefício do bem. Para que erros como esse não aconteçam, é preciso estar atento à compatibilidade entre o seu perfil e a estrutura do imóvel.


Filhos pequenos
Famílias com crianças ou perspectiva de gravidez precisam estar preparadas para tanto. Um financiamento pode levar anos e isso deve ser levado em consideração, já que o arranjo familiar pode mudar bastante com o passar dos anos. É recomendável que o imóvel tenha dois ou mais dormitórios e uma metragem de 45m² ou mais.

Filhos adolescentes
Jovens, na faixa dos 13 aos 17 anos, costumam desfrutar da privacidade do quarto e da comodidade da sala, seja para ficarem sozinhos ou recepcionarem amigos. É interessante focar em imóveis que viabilizem essa necessidade dos filhos. 
Um ponto importante para quem está prestes a comprar um imóvel, tendo filhos adolescentes em casa, é pensar na possibilidade dele estudar fora. Neste caso, não é necessário escolher uma casa com suítes para os filhos ou, até mesmo, se preocupar com o número de vagas na garagem. O ideal é pensar nas necessidades familiares a longo prazo, para que não surjam surpresas e necessidade de rearranjo na estrutura do bem.

Familiares idosos ou deficientes
A fim de atender as necessidades de idosos ou portadores de deficiência, o comprador deve analisar tanto a estrutura da casa como o entorno. Bairros residenciais são a melhor opção, já que costumam ser mais planos que bairros localizados na região central. O acesso a supermercados, farmácias, hospitais e comércio em geral também deve ser levado em conta na hora da escolha. Se há preferência por condomínios, vale checar as áreas de lazer do prédio, se há jardins, espaços para caminhar e socializar com os outros moradores; e, também, o número de elevadores e suas condições.
Veja Também